top of page
  • Foto do escritorDaniel Santos

Plano de manutenção e inspeção de tanques: entenda a importância

O plano de manutenção e inspeção de tanques de armazenamento proporcionará para a indústria vários benefícios que atestam o armazenamento do tanque mais eficaz e por consequência o seu melhor desempenho.

Entretanto, ainda que seja essencial, nem todas as empresas realizam a inspeção de forma adequada. Continue a leitura e entenda como o plano de manutenção e inspeção de tanques funcionam.

O que é tanque de armazenamento

São tanques metálicos para armazenar e estocar produtos, eles não podem permanecer enterrados e nem com o fundo de encontro com o chão.

É essencial que a amplitude externa do tanque seja maior que 3 metros, sua capacidade precisa ser superior a 20 mil litros e os fluidos devem ser da classe A ou B.

Por que realizar a inspeção em tanques de armazenamento

Com vários procedimentos industriais existentes não podemos esquecer de manter a segurança em primeiro lugar, é de muita importância ter um plano de manutenção e inspeção de tanques.

Qualquer irregularidade pode acarretar perigo para os consumidores e trabalhadores, por esse motivo é muito importante a realização da inspeção de tanques de armazenamento.

Com o plano de manutenção e inspeção de tanques, cria-se uma forma viável para o levantamento de dados valiosos sobre o estado do equipamento, impedindo deste jeito, uma sucessão de problemas que podem atrapalhar a rotina da empresa.

Quando deve ser feito o plano de manutenção e inspeção de tanques

Segundo a norma N-2318 da Petrobrás, o plano de manutenção e inspeção de tanques, deve ocorrer a cada 5 anos.

A avaliação geral deverá cumprir os parâmetros citados na API STD 653, ou quando ocorrer alguma intercorrência, vai ser preciso ser realizada uma inspeção extraordinária antes que o equipamento volte a operar.

O plano de manutenção e inspeção de tanques precisa cumprir os períodos determinados pela norma regulamentadora, logo, esse tempo pode variar dependendo do equipamento que será inspecionado.

Vale lembrar que o plano de manutenção e inspeção de tanques periódicos de segurança têm que acompanhar o padrão. Portanto, é preciso fazer exames e análises determinadas por PH. Desse jeito, é possível testar a plenitude do equipamento.

É preciso estar com o plano de manutenção e inspeção de tanques em dia. Pois é a proteção que garante a saúde e a segurança de todos os trabalhadores e boa funcionalidade dos equipamentos.

O intervalo para a manutenção depende de alguns fatores, por exemplo:

  1. O tipo do produto que está armazenado;

  2. Precisão de manutenção;

  3. Disponibilidade do tanque;

  4. Teor da corrosão;

  5. Condição de funcionamento nas avaliações passadas;

  6. Materiais e modos de construção.

Como inspecionar tanques de armazenamento

Vantagens em fazer plano de manutenção e inspeção de tanques periodicamente

  1. Inibe o progresso do desgaste no tanque;

  2. Previne a contaminação do meio ambiente;

  3. Ser alertado sobre possíveis desgastes do tanque;

  4. Diminui consideravelmente o risco a saúde dos funcionários;

  5. Tem um impacto significativo no lucro operacional de sua empresa.

Quando você realiza uma simples avaliação, terá qualidade e uma segurança maior nos tanques de armazenamento, possibilitando melhores resultados.

Além disso, realizando o plano de manutenção você terá a oportunidade de determinar qual nível de precariedade dos equipamentos e qual tipo de manutenção terá que ser feito.

Tipos de inspeção de manutenção de tanques

Inspeção externa

Realizada com o tanque em operação.

  1. É feita a avaliação da bacia e das sua situação físicas e da sua completude.

  2. Realiza a inspeção visual das instalações, incluindo as tubulações aéreas, seus acessórios e as suas condições físicas.

  3. Aferição da consistência das tubulações aéreas do equipamento.

Inspeção da Base

Inspeção visual da base do tanque quanto a prováveis escapes, cabos de aterramento, impermeabilização e etc.

Inspeção do Costado

  1. Avaliação visual do costado quanto à corrosão, deformações, vazamentos e verticalidade.

  2. Inspeção visual em todas as válvulas e conexões e o seu estado de conservação.

  3. Determinação da espessura de todos anéis do costado.

Inspeção do Teto

A avaliação e inspeção do teto visa contemplar as seguintes análises:

  1. Avaliação visual das soldas e chapas, verifica se tem corrosão, deformações ou furos.

  2. Verificação da espessura por meio do Ensaio de Ultrassom.

  3. Inspeção visual das bocas de visita e suas condições de limpeza e desgaste.

Inspeção Geral

Executada com o tanque fora de serviço. Faz as avaliações gerais do equipamento.

Inspeção Externa nos Tanques

  1. Inspeção visual das chapas do costado, fundo e teto, para tanques verticais, e calotas e costado para tanques que são horizontais, tendo como objetivo identificar o estado geral da preservação das chapas.

  2. Verificação da espessura das chapas do costado, do teto e do fundo, para tanques verticais, e calotas e costado, para os tanques que são horizontais, por Ensaio e por Ultrassom.

  3. Avaliação do estado de preservação das válvulas, flanges, bocas de visita e as conexões.

Inspeção Interna de Tanques quando estes possuem a sua capacidade maior que 60.000 litros

  1. Inspeção visual das condições das soldas e chapas do interior do tanque, e nos seus equipamentos e acessórios.

  2. Avaliação visual e aferição da espessura das chapas do fundo do tanque, observando se tem corrosão ou defeitos.

Quem realiza inspeção em tanques de armazenamento

O plano de manutenção e inspeção de tanques deve ser realizado por empresas de inspeção NR13 que possuam qualidade técnica, para realizar o serviços de modo eficaz e inteligente, com profissionais capacitados.

Para que seja realizada a inspeção dos tanques de armazenamento, é necessária uma equipe de profissionais experientes; pois, existem várias regras e normas que devem ser respeitadas.

NR 13 para tanques de armazenamento

O propósito da NR-13 é proporcionar mais segurança para a indústria, meio ambiente e seus funcionários – que manuseiam equipamentos de alto risco à saúde.

Na última alteração da norma NR13 inseriu-se o tanque de armazenamento. Desse jeito, esse equipamento precisa respeitar as normas de segurança.

E somente um profissional capacitado poderá realizar a inspeção NR13 e emitir o laudo final.

Após a análise do tanque é preciso emitir o documento de comprovação, pois somente com esse documento em mãos a empresa estará em dia com a norma NR13.

161 visualizações0 comentário
bottom of page