Curso de logística: o que você precisa saber.

A logística cresceu muito, mesmo durante a pandemia do coronavírus, o que fez com que o curso de logística fosse cada vez mais procurado por jovens em busca de formação para ingressar no mundo da logística.

A evolução da logística

Tempos atrás a logística não tinha seu papel reconhecido da forma devida. De um processo de suporte que gerava custos, mas era necessário, ao longo do tempo se transformou e hoje é reconhecidamente um processo que agrega valor e sua gestão eficiente é fundamental para o desenvolvimento do negócio e suas vantagens competitivas.

Para a gestão eficiente do processo logístico um fator é essencial: o fator humano, no caso, o profissional de logística. 

O processo logístico se desenvolve continuamente, novas tecnologias são colocadas no mercado; novas técnicas e metodologias surgem e o profissional de logística deve estar por dentro, para que possa refletir em seu trabalho a evolução da disciplina e consequentemente melhorar sua eficiência no trabalho.

A recessão econômica que está por vir torna mais necessário ainda que o profissional se destaque no mercado.

Com as quarentenas impostas pelos governos ao redor do mundo e a atividade econômica desacelerando, muitas vagas de empregos já foram fechadas, e para se manter firme no mercado, o profissional deve estar capacitado.

Nesse artigo buscarei trazer as principais formas de capacitação na área da logística, da graduação à pós-graduação, incluindo cursos de aperfeiçoamento.

Graduação x Tecnólogo

Para os profissionais em início de carreira, ou ainda aqueles que já trabalham na área, mas não possuem graduação, a primeira pergunta que vem a cabeça é: “E aí, qual curso devo fazer: graduação ou tecnólogo?” 

Bom, se você já trabalha na área, ou tem absoluta certeza que irá trabalhar com logística, o tecnólogo se mostra uma boa opção por alguns motivos:

– Tempo de duração mais curta: 2 a 3 anos.

– Disciplinas focadas na área.

– É considerado curso superior.

– Curso focado no mercado de trabalho.

A desvantagem do curso tecnológico é que, por ser muito específico, se torna difícil o redirecionamento da carreira posteriormente.

Se você ainda não entrou no mercado de trabalho, ou quer ter um leque maior de possibilidades para o futuro, a melhor opção é a graduação.

Apesar da duração mais longa (4 a 5 anos), a possibilidade de redirecionamento da carreira no futuro é maior.

Os cursos de Engenharia de Produção e Administração possuem disciplinas focadas no assunto e são preferências dos empregadores na hora da contratação.

Tanto a graduação quanto o curso tecnológico são encontrados nas modalidades presenciais e à distância.

Conheça alguns cursos:

Tecnólogo:

  • Na modalidade presencial os Institutos Federais oferecem cursos de qualidade reconhecida. Procure no site do IF do seu Estado.

Graduação:

  • Nas modalidades presenciais a busca deve ser feita de acordo com a localização de preferência, mas podemos citar os cursos de Administração da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Administração e Engenharia de Produção da Universidade de Brasília (UnB) e os curso de Administração e Engenharia de Produção da Universidade de São Paulo (USP).

MBA x Especialização

Para os já graduados a necessidade de aperfeiçoamento não para. Porém, ao parar para decidir o que estudar depois de formado, outro embate aparece: MBA ou especialização?

Ambos os estilos são pós-graduação lato sensu e independem de autorização do Ministério da Educação para serem ofertados, mas devem seguir os dispostos na Resolução CNE/CES nº 1, de 8 de junho de 2007. Os principais requisitos são: 50% do corpo docente devem ser Mestres ou Doutores; 360h de carga horária mínima; e, apesar de não ser necessária autorização, a instituição deve ser credenciada ao MEC.

A diferença básica entre os cursos é que a especialização é focada em determinada área, enquanto o MBA (Master Business Administration) inclui disciplinas de administração voltadas à gestão. Os cursos geralmente possuem uma duração de 18 a 24 meses.

Sabendo disso, a escolha do curso depende do seu objetivo e do momento em que se encontra sua carreira. Enquanto a especialização é indicada para aprofundar o conhecimento em determinado assunto, o MBA é voltado para os profissionais que almejam cargos de gestão. Ao passo que na especialização você terá uma imersão mais profunda nas disciplinas de logística, no MBA você também terá aulas de Gestão de Pessoas, Finanças e Marketing. 

Esses cursos são ótimas oportunidades para estabelecer networking com outros profissionais. A escolha é pessoal e deve considerar, como dito antes, seus objetivos e momento na carreira. Muitos profissionais utilizam a especialização para redirecionamento da carreira.

Alguns cursos de especialização encontrados no mercado são:

Pós Graduação em Logística e Supply Chain FGV

Pós Graduação em Gestão Logística PUC Minas

MBA em Logística IBMEC

MBA em Logística e Supply Chain FGV

Mestrado e Doutorado

Há quem diga que mestrado e doutorado são indicados para aqueles que desejam seguir carreira acadêmica, o que eu discordo firmemente. São cursos de pós-graduação strictu sensu e aprofundam ainda mais os conhecimentos sobre o assunto, exigindo muito mais do aluno e possuindo uma duração mais longa (2 anos para mestrado e 3 a 4 anos para o doutorado). Para cursar o doutorado é exigido a conclusão do mestrado. Os alunos escrevem artigos acadêmicos e desenvolvem técnicas e metodologias, fomentando a evolução da área. Ao finalizar o mestrado os alunos escrevem uma dissertação, e ao concluir o doutorado, uma tese.

Os cursos strictu sensu devem possuir autorização do MEC e seguir a legislação em vigor:  Resolução CNE/CES nº 1/2001, alterada pela Resolução CNE/CES nº 24/2002.

Alguns cursos de mestrado e doutorado:

Os cursos de mestrado e doutorado são sempre presenciais, e na escolha deve ser ponderada a localização da universidade, possibilidade de mudança e conciliação com o trabalho.

Cursos de Aperfeiçoamento

Devemos lembrar que não é só na universidade que nos capacitamos. A todo momento novas ferramentas são colocadas no mercado e o profissional não pode ficar para trás, é importante sempre buscar pequenos cursos de aperfeiçoamento. Algumas empresas oferecem capacitação in company, mas caso a sua não ofereça, busque por conta própria.

Alguns cursos que podem dar força à sua carreira são: 

– Cursos de idioma;

– Excel;

– Power BI;

– Comunicação;

– Liderança;

– Redação;

– Cursos de Extensão em universidades;

– Curso de operador de transpaleteira elétrica;

Curso de operador de empilhadeira

A Unieducar oferece diversos cursos de curta duração na área de logística, alguns deles gratuitos e todos com certificação.

Algumas dicas na escolha de onde estudar

Tudo certo, você escolheu o curso. Agora precisa decidir onde estudar. Algumas dicas para não se arrepender são:

  1. Pesquise a reputação da escola.
  2. Conheça a estrutura curricular do curso. É o que você deseja?
  3. Consulte o MEC e veja se a escola é credenciada. http://emec.mec.gov.br/
  4. Procure saber sobre o corpo docente. Para pós-graduação há exigência quanto ao percentual de mestres e doutores.
  5. Procure saber se a sua empresa fornece auxílio financeiro para capacitação.
  6. Infraestrutura. No caso de EAD, busque saber como são ministradas as aulas e como é o suporte técnico e dos professores. Em curso presencial, visite a escola.
  7. Escolha com calma, é o seu futuro em jogo.

Agora que você já conhece as opções, vamos aos estudos e esperamos que vocês consigam trazer novas ideias para uma logística sustentável a longo prazo.

Informe, compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

CAMPARTILHE E DESTAQUE-SE

Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin