EPL quer lançar todos editais de concessão em 2013.

08-08-2013 20:42

O presidente da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), Bernardo Figueiredo, disse que o objetivo da estatal é colocar todos os editais de concessão de transporte ''na rua'' ainda em 2013. De acordo com ele, todos os editais de rodovias já estão nas mãos do Tribunal de Contas da União (TCU) - os primeiros, das BRs 050 e 262, foram divulgados na semana passada - e o órgão analisa neste momento o primeiro trecho ferroviário, entre Açailândia e Vila do Conde.

Figueiredo afirmou que vão ficar para 2014 os leilões das concessões cujos editais forem divulgados a menos de 60 dias para o final do ano. Este, disse, é um prazo médio necessário para a realização do leilão após o edital ser lançado.

O presidente da EPL disse que os parâmetros das concessões foram discutidos com a iniciativa privada e, portanto, não há pontos de divergência com o governo. "Não há nenhuma briga com o mercado, nem sobre taxa de retorno nem sobre o volume de investimentos", disse.

Figueiredo contou que não vê falta de interesse em nenhum dos projetos de concessão ferroviária, rodoviária, portuária, aeroportuária e do trem-bala. "Tem gente apostando em tudo", afirmou em congresso na capital paulista.

América do Sul - O presidente da estatal admitiu que a América do Sul tem de discutir conjuntamente a integração de transporte na região e informou que o governo brasileiro já tem conversas em curso com os governos da Argentina, do Chile e do Peru sobre projetos ferroviários. As discussões passam por integração das malhas dos países vizinhos com a brasileira sob a mesma medida de bitola. "Os dois países se mostram simpáticos à ideia de modernizar suas malhas com a mesma bitola utilizada no Brasil", disse.

Também está em pauta a construção de um túnel nos Andes para que haja uma integração entre os oceanos Atlântico e Pacífico. Além disso, está em estudo outro corredor para o oceano Pacífico pelo Peru, a partir de Porto Velho.

Fonte: O Estado de S.Paulo - Adaptado pelo Site da Logística.

 

Voltar